A alimentação do idoso e como variar o cardápio

,
Alimentação do idoso

Atualizado em 11 de novembro de 2021.

A alimentação do idoso deve ser preenchida com um cardápio variado, rico em proteínas, vitaminas, carboidratos, frutas e legumes, sempre priorizando o consumo de alimentos naturais e evitando os industrializados.

Alimentação saudável e balanceada

Sempre soubemos que devemos manter uma alimentação saudável e balanceada, em qualquer fase de vida. Porém, com o avanço da idade, nosso corpo passa por grandes mudanças fisiológicas e psíquicas que exigem maior consumo de alguns grupos alimentares.

Fibras

As fibras são importantíssimas na alimentação para idosos. Elas controlam a glicose, reduzem o colesterol e, até mesmo, previnem o câncer de cólon. Fibras aumentam a sensação de saciedade e ajudam na regularidade intestinal. O farelo de aveia é um ótimo ingrediente. Ele tem sabor super suave e é fácil de incluí-lo nos preparos.

Ômega 3

Outro nutriente-chave é o ômega 3, presente no salmão, sardinha, farinha de chia, nozes e na linhaça. A substância tem uma função anti-inflamatória e ainda auxilia na prevenção e no controle de doenças como diabetes e artrite.

Proteínas

As proteínas são excelentes para combater a anemia. Por isso, vale a pena inserir, no cardápio, carnes vermelhas. Isso porque a falta de ferro pode trazer várias consequências, como cansaço excessivo, dores de cabeça, entre outros. Os idosos perdem massa magra, que pode ser mantida por meio da ingestão de proteínas com baixo teor de gordura, como carnes brancas, grão-de-bico, lentilha e feijão.

IMPORTANTE: No caso de idosos, além da dieta alimentar, também é necessário ficar atento a outros fatores que podem interferir na nutrição apropriada.

Interferências na alimentação do idoso

  • Problemas odontológicos, como falta de dentes ou próteses mal ajustadas;
  • Dificuldades de deglutição;
  • Diminuição ou perda do paladar e olfato;
  • Problemas psico-geriátricos, como depressão, apatia ou solidão;
  • Uso de medicamentos que geram efeitos colaterais como azia e perda de apetite;
  • Doenças que geram perda de peso e/ou apetite;
  • Desidratação. Além do corpo necessitar de muita água para nos manter saudáveis, a falta de líquidos pode obstruir o intestino.

Muitos idosos não têm alguém para preparar suas refeições, levando-os a optarem por alimentos de rápido preparo e pobres de nutrientes, como comidas industrializadas congeladas. Preste atenção neste detalhe e ajude se for necessário.

O controle de peso do idoso é muito importante e deve ser feito mensalmente. Ele é o melhor indicador de deficiências na alimentação e na correta absorção dos nutrientes.

Leia também:

 

Doencas Respiratórias na Terceira Idade
1 responder
  1. Mão do Amor
    Mão do Amor says:

    Olá, Marcos… agradeço sua pergunta. A melhor forma de saber quando será realizada a vacinação para pessoas da sua faixa etária e na sua condição, é consultar o site do Vacina Já do estado de São Paulo, segue o link com o cronograma https://vacinaja.sp.gov.br/

    Espero poder ter ajudado. Muito obrigado.

    Responder

Deixe uma resposta

Quer compartilhar sua opinião?
Envie aqui seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *